Eu não lembro

Este texto não trata da memória. Mas de experiências. Das vividas e das deixadas de lado. Tem haver com como crianças vêem o mundo e com os adultos que queremos ser. Tem haver com a pergunta que um menino de 6 anos faz a um físico numa palestra: Qual o sentido da vida? 

Tenho 3 filhos entre 3 e 13 anos. Isso significa que eles tem resposta para tudo. Todas as perguntas feitas ou não feitas. Porque se não perguntamos eles mesmo perguntam e respondem. São crianças! E o mundo é exatamente do jeito que eles criam. Acontece que a medida que crescemos,  deixamos de lado o sentido de tudo e passamos a viver um mundo que nem sempre é aquele que criamos quando tínhamos 3, 4, 5 ou 6 anos e três quartos. Quando crescemos, a vida perde o sentido. Quando a Ana e eu pensamos na NUVEM.TV a gente fazia essa pergunta a cada segundo: Qual o sentido da vida? Quando crescemos, passamos a olhar o mundo de cima e não como parte de nós. A vida precisa fazer sentido como faz aos 3, 4, 5 ou 6 anos e três quartos. Ao nos conectarmos ao nosso mundo, aquele que sonhamos na infância, entendemos que tudo faz mais sentido quando criamos, compartilhamos, brincamos juntos. Três crianças dentro de casa é uma confusão! É exaustivo! É enlouquecedor! É surpreendente! Eu cresci e não lembro de tantas coisas que fazia... Por isso mesmo, muitas vezes, perco a paciência com as crianças e peço para que elas não façam barulho. Que coloquem as coisas no lugar e não deixem tudo espalhado pela casa. Que vão deitar cedo. Que fiquem quietas. Tudo porque eu não lembro que ser criança é ver sentido em cada objeto. Em cada gesto. Em cada olhar. Em todo o mundo. Em toda vida. Quando pensamos a NUVEM.TV estavámos recriando o mundo. Dando sentido a tudo aquilo: aos filhos, ao cotidiano, ao crescimento. Estávamos lembrando como o mundo é mais legal quando nos deixam criá-lo. Nos faz lembrar o que é ser criança. E lembrar a cada segundo que criança precisa ser cuidada. Criança precisa de liberdade para criar. Precisa da bagunça que faz. Precisa explorar o mundo ao seu redor. Porque o tempo passa. A gente cresce e já não lembra mais.

 

  

Please reload

Featured Posts

Sobre o processo criativo

June 22, 2015

1/2
Please reload

Recent Posts

August 16, 2018

May 4, 2017

August 19, 2015

August 13, 2015

July 22, 2015

July 20, 2015

July 2, 2015

Please reload

Archive
Please reload

Search By Tags
Follow Us
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

©2015 por MIRELA MARTORELLI DE NOVAES

Orgulhosamente criado com Wix.com